09/03/2021

Empresa de logística e armazenagem vai operar no Açu

 Empresa de logística e armazenagem vai operar no Açu


O Porto do Açu fechou contrato com a Vix, empresa de logística especializada em soluções customizadas com operações em todo o Brasil e no Mercosul. A empresa do grupo Águia Branca ocupará área de 10 mil metros quadrados, com opção de expansão para mais 10 mil m². O espaço será utilizado para armazenar e operar equipamentos de logística de cargas pesadas, transporte rodoviário de cargas e locação de caminhões e equipamentos pesados. O contrato inicial, de acordo com as partes, tem duração de 10 anos. A implementação começa imediatamente após a assinatura do contrato.

Para o Açu, a parceria aumenta a capacidade instalada de movimentação de cargas no empreendimento portuário, bem como o portfólio de serviços oferecidos no porto. A avaliação é que a chegada da empresa de logística pode, inclusive, ajudar na atração de novos serviços de cabotagem para o complexo portuário e industrial. No ano passado, o complexo iniciou o serviço de cabotagem, na modalidade ‘feeder short distance’, entre o Porto do Rio e o Porto do Açu. Com a chegada da Vix, aumentam as opções de transporte das cargas recebidas ou que podem ser movimentadas pelo Açu.

A empresa acredita que esse será um diferencial para que outras empresas sejam atraídas para a movimentação de contêineres por transporte oceânico. “O contrato com a Vix, uma das maiores empresas de logística do país, aumenta a capacidade instalada de movimentação de cargas pesadas no Porto do Açu a preços competitivos e amplia o portfólio de serviços oferecidos, reforçando o modelo one-stop-shop do empreendimento portuário”, destacou o Porto do Açu.

De acordo com a administração do complexo, esta parceria vislumbra a demanda existente e o aquecimento de todos os serviços de logística já oferecidos pelo portfólio do porto. A Vix ocupará área com possibilidade de expansão, para armazenar e operar equipamentos de logística de cargas, transporte rodoviário, locação de caminhões e equipamentos pesados como empilhadeiras, guindastes, plataformas elevatórias, caminhões Munck, dentre outros equipamentos.

Notícias Relacionadas
 CNT realiza pesquisa para avaliar o impacto das enchentes no Rio Grande do Sul sobre as empresas

24/05/2024

CNT realiza pesquisa para avaliar o impacto das enchentes no Rio Grande do Sul sobre as empresas

Para que a CNT (Confederação Nacional do Transporte) desenvolva medidas de apoio mais eficazes aos transportadores impactados pelas enchentes no Rio Grande do Sul, a Confederação está re (...)

Leia mais
 Estudo sobre frotas sustentáveis aponta inovação e investimento sem precedentes em momento de transição energética ativa

24/05/2024

Estudo sobre frotas sustentáveis aponta inovação e investimento sem precedentes em momento de transição energética ativa

Agora em sua quinta edição, o relatório State of Sustainable Fleets 2024, divulgado nesta segunda-feira (20), lança luz sobre um setor que está passando por um momento de transição ativa (...)

Leia mais
 JSL investe em simulador de direção para mais segurança dos motoristas

23/05/2024

JSL investe em simulador de direção para mais segurança dos motoristas

Com foco na segurança e treinamento de sua equipe de motoristas, a JSL, empresa com o maior portfólio de serviços logísticos do país, investiu R$ 2 milhões na aquisição de um simulador d (...)

Leia mais

© 2024 ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos. CNPJ 17.298.060/0001-35

Desenvolvido por: KBR TEC

|

Comunicação: Conteúdo Empresarial

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.