23/06/2023

Bravo Serviços Logísticos implementa projeto de empilhadeiras elétricas com zero emissões de CO2

 Bravo Serviços Logísticos implementa projeto de empilhadeiras elétricas com zero emissões de CO2



Em busca de uma logística cada vez mais eficiente, ágil e sustentável, a Bravo Serviços Logísticos, referência no atendimento logístico e autoridade em serviços eficientes de armazenamento, transporte e distribuição, implementa um novo projeto para a troca de empilhadeiras GLP (Gás Liquefeito de Petróleo) por empilhadeiras elétricas, movidas à bateria de lítio. Os armazéns de Aparecida de Goiânia-GO e São Roque-SP receberão os novos equipamentos, da linha de equipamentos elétricos Heli, que não emitem gases durante o uso, e nem no decorrer das recargas.


Segundo o Head de Sustentabilidade da Bravo Serviços Logísticos, Marcos Azevedo, as máquinas fazem parte de um projeto estratégico de descarbonização, já que os novos equipamentos não emitem diretamente CO2 enquanto mantêm uma maior eficiência energética por meio da bateria de lítio.


“O comprometimento com o desenvolvimento e a prática de atitudes socioambientais é um dos combustíveis que movem as operações e os valores da Bravo. Para nós é gratificante iniciar um projeto alinhado à sustentabilidade e que também melhora a qualidade ambiental nos armazéns”, comenta.


Além da redução do impacto ambiental, segundo a Heli Empilhadeiras – fabricante dos modelos - a tecnologia aplicada nas baterias auxilia em média 46% de economia, pois dispensa o uso de baterias reservas e os principais componentes são livres de manutenções diárias tendo assim, um maior intervalo de revisão. A redução de ruídos e a ergonomia também são benefícios percebidos pelos colaboradores que atuam com a empilhadeira.


Sustentabilidade


A Bravo conta com outras boas práticas e padrões relacionados às questões Ambientais, Sociais e de Governança (ESG), abrangendo todas as suas operações.


Desde 2017, a empresa é signatária do Pacto Global da ONU, assinando anualmente o compromisso de apoio aos dez Princípios que o compõem. Além disso, é avaliada pela Ecovadis, plataforma colaborativa que permite o monitoramento do desempenho em sustentabilidade, sobre a qualidade do sistema de gestão de Responsabilidade Social Empresarial – RSE. Por meio da plataforma, monitora o desempenho e as ações de melhoria da cadeia de seus fornecedores. A empresa ainda realiza o Programa Baixo Carbono (inventário de emissões e redução de CO2) e outros programas, como de energia sustentável, gestão hídrica, gerenciamento de resíduos, educação ambiental e a produção anual do Relatório de Sustentabilidade (GRI).



Notícias Relacionadas
 Vacância de galpões cai devagar e aluguel supera inflação

23/04/2024

Vacância de galpões cai devagar e aluguel supera inflação

A vacância de condomínios logísticos no Brasil segue em queda, mas em ritmo lento. Já o preço cobrado pelas locações subiu 7,4% no país em um ano, acima da inflação. No Estado de São Pau (...)

Leia mais
 JSL é premiada como “Fornecedor do Ano” pela General Motors

23/04/2024

JSL é premiada como “Fornecedor do Ano” pela General Motors

A JSL recebeu o prêmio global “Fornecedor do Ano”, da General Motors North America, no último dia 10, em Miami. Única brasileira a receber o prêmio, a companhia foi contemplada na catego (...)

Leia mais
 Transporte marítimo de carga vive incertezas após caos logístico na pandemia

22/04/2024

Transporte marítimo de carga vive incertezas após caos logístico na pandemia

Apontada pelo setor de transporte marítimo de carga como um momento de desarranjo logístico, a pandemia impactou a oferta de contêineres, afetou o preço do frete e bagunçou as cadeias gl (...)

Leia mais

© 2024 ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos. CNPJ 17.298.060/0001-35

Desenvolvido por: KBR TEC

|

Comunicação: Conteúdo Empresarial

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.