20/05/2022

BBM Logística segue em forte ritmo de expansão e atinge novo recorde de faturamento

 BBM Logística segue em forte ritmo de expansão e atinge novo recorde de faturamento



A BBM Logística, um dos maiores operadores logísticos do modal rodoviário do Mercosul, anunciou recentemente os resultados do 1º Trimestre do ano de 2022, que foi marcado pelo faturamento recorde e evolução de margens impactadas pelo aumento de custos no setor.


Nos três primeiros meses de 2022, a BBM atingiu a maior receita bruta em um primeiro trimestre na sua história, de R$ 422,7 milhões, crescimento de 19,7% em relação ao mesmo período do ano passado. O desempenho é resultado da combinação do aumento de volume de negócios com o repasse da inflação de custos nos preços.


A companhia continuou expandindo as operações e avançando com projetos estratégicos de forma consistente. Todas as áreas registraram crescimento em relação ao primeiro trimestre de 2021, com destaque para as atividades de E-commerce (+33%) e Internacional (+27%) no segmento de Gestão de Transportes (TM). Já os Contratos Dedicados (DCCs) florestais avançaram 26% e os industriais, 25%.


Novos contratos e acordos comerciais levaram a BBM Logística a bater recorde de receita bruta. Os destaques foram negócios fechados em produtos estratégicos nas operações de Carga Lotação (FTL)/Intermodal, Rodoviário Internacional, Cargas Fracionadas (LTL) e E-commerce.


A divisão de Contratos Dedicados Florestal e Agro (DCC F&A) fechou dois acordos com a maior produtora e exportadora de papéis do país, sendo um deles para transporte rodoviário e florestal de toras de madeira das áreas florestais e pátios externos para as fábricas e clientes, e o outro para carregamento de madeira e apoio ao transporte florestal.


Com prazos de vigência de 6 (seis) anos e possibilidade de renovação, esses dois contratos envolverão uma movimentação mensal acima de 400.000 toneladas, o que, aos preços atuais, gerará uma receita próxima de R$ 1 bilhão no período. Somente a operação de transporte de longas distâncias representa o maior contrato assinado na história do grupo BBM.


Ainda na área de DCC F&A, a companhia finalizou a renovação da frota em Butiá, Operação Florestal no Rio Grande do Sul, que deverá trazer maior eficiência operacional e menor custos para os próximos períodos.


Nos Contratos Dedicados Indústria (DCC Industry), vale ressaltar a expansão das operações de gases em São Luis (MA), que se soma à unidade de Imperatriz no estado, como parte da estratégia de ampliação de negócios no Nordeste. Também entraram em operação em Paulínia (SP) mais 15 cavalos mecânicos 6×2 para atendimento ao segmento químico.


No segmento de Gestão de Transportes (TM), a atividade de Cargas Fracionadas (LTL) registrou em março o maior faturamento da história, além de volume recorde em um primeiro trimestre no e-commerce com 3,3 milhões de pedidos entregues. As operações internacionais também foram destaque com um crescimento de 27% no 1º trimestre de 2022. A receita líquida do segmento totalizou R$ 225,2 milhões, alta de 11,8% em comparação com o mesmo período do ano anterior.


Foco na rentabilidade


O setor logístico vem enfrentando um cenário desafiador com forte inflação de custos impactando as margens dos operadores. O diesel, por exemplo, acumula alta de 47% no decorrer de 2021 e de 18% no 1º Trimestre de 20221.


Neste cenário, a BBM focou, durante o 1º Trimestre, em recompor preços junto aos clientes (atingindo 90% da base da carteira) e em iniciativas para aumentar eficiência operacional e reduzir custos.


“O foco foi recompormos margens, corrigindo preços e buscando iniciativas para aumentar a eficiência operacional e reduzir custos. Os impactos positivos nos resultados começaram a ser registrados principalmente a partir do final do trimestre, mas há boas expectativas de reflexos mais relevantes ao longo dos próximos meses”, explica André Prado, CEO da BBM Logística.


No 1º Trimestre de 2022, a margem EBTIDA recuou em relação ao mesmo período do ano passado, mas a sua evolução mensal mostra o início de uma recuperação já refletindo o repasse de preços a clientes. Em março, a margem chegou a 9,8%, após ficar em 2,3% em janeiro e fevereiro – movimento sazonal de queda no início de todos os anos.


Investimentos em tecnologia, pesquisa e qualidade


A BBM vem intensificado investimentos em tecnologia, pesquisas operacionais, processos e qualidade como bases para o crescimento sustentável de suas operações.


Uma das iniciativas é a expansão do Programa de Fidelidade para Agregados, lançado em 2021, com o avanço na oferta de benefícios e convênios com novos fornecedores de insumos. Essa plataforma garante acesso dos agregados que fazem parte do marketplace da BBM a uma rede de apoio de fornecedores com capilaridade e competitividade, usufruindo da escalabilidade de volume da companhia, por exemplo, para aquisição de pneus.


No 1º trimestre, foi implantado o módulo Marketplace da Plataforma Digital na unidade de São Paulo. Com a homologação dessa ferramenta prevista para o início de 2023, pretende-se digitalizar toda a cadeia da demanda à liberação do veículo, gerando maior produtividade para a operação.


Já a integração entre cliente do e-commerce com operações LTL vem demonstrando ganhos significativos de eficiência, principalmente com as sinergias na movimentação de cargas e nas transferências entre terminais.


A companhia também reforçou a estrutura para melhorar os processos e facilitar a integração de empresas no futuro, reduzindo custos, aumentando eficiência e agilidade. Foi desenvolvida, por exemplo, uma solução para apoio em simulações de demandas nas operações FTL, com objetivo de otimizar a ocupação dos veículos.


Em fevereiro, a BBM também finalizou e testou o Protótipo do Otimizador para transporte LTL. Com primeira implantação em março, a solução traz como resultado uma maior velocidade às implantações dos sistemas de otimização previstos para 2022.


O protótipo consiste em uma aplicação desktop disponível para o usuário para o planejamento das coletas e entregas diárias. O resultado apresentado no primeiro mês foi de 8% em aumento de produtividade, eventos por veículo, e de 8% em redução nos custos diretos.


Aquisições e emissão de debêntures


As aquisições também permanecem como parte da estratégia da companhia para expandir as atividades. Nos últimos anos, a BBM adquiriu empresas de altíssima reputação como Transeich (2018), Translovato (2019), Translag (2020) e Diálogo (2020).


“Mais de 30 empresas foram analisadas ao longo do 1º trimestre de 2022, com foco em oportunidades que permitam ampliar nosso leque de soluções aos clientes. Continuamos avaliando potenciais aquisições que complementem o portfólio de serviços e a abrangência geográfica, bem como acompanhando o desenvolvimento do setor para definir o melhor momento de concretizar novos negócios”, revela Prado.


Para reforçar sua posição financeira, alongar seu passivo financeiro e continuar os investimentos em crescimento e tecnologia, a BBM realizou no dia 16/05 a primeira integralização da sua 3ª. emissão de debêntures no montante de até R$ 200 milhões.



Notícias Relacionadas
 Terminais da Santos Brasil batem recordes no mês de maio

24/06/2022

Terminais da Santos Brasil batem recordes no mês de maio

A Santos Brasil fechou maio com duas importantes marcas conquistadas, uma no Terminal de Veículos (TEV) e outra no Tecon Santos, ambos no Porto de Santos (SP). O TEV bateu recorde mensal (...)

Leia mais
 SP promove investimentos e melhorias em diversos modais de transportes e logística

24/06/2022

SP promove investimentos e melhorias em diversos modais de transportes e logística

Ciente da importância das estradas na vida dos cidadãos e para o desenvolvimento econômico das regiões por onde passam, escoando a produção, gerando crescimento, emprego e renda, o Gover (...)

Leia mais
 Vale combustível é um 'desaforo' para a categoria, dizem caminhoneiros

24/06/2022

Vale combustível é um 'desaforo' para a categoria, dizem caminhoneiros

O diretor da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística (CNTTL), Carlos Alberto Litti Dahmer, avalia que o voucher que pode ser criado pelo governo federal para a (...)

Leia mais

© 2022 ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos. CNPJ 17.298.060/0001-35

Desenvolvido por: KBR TEC

|

Comunicação: Conteúdo Empresarial

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.