23/01/2023

Santos Brasil amplia capacidade para operar cargas gerais em Imbituba

 Santos Brasil amplia capacidade para operar cargas gerais em Imbituba



A Santos Brasil ampliou sua capacidade para operar cargas gerais no Porto de Imbituba, em Santa Catarina, com a instalação de um armazém lonado de 7,5 mil m² no Tecon, aumentando a área total coberta de 8,55 mil m², do Terminal de Cargas Gerais (TCG), para 16,05 mil m². Os investimentos são da ordem de R$ 3 milhões.


Em operação desde o início de janeiro, o novo espaço abriga atualmente 9 mil toneladas de big bags de fertilizantes, sendo indicado também para a armazenagem de produtos siderúrgicos e de celulose, entre outros, protegendo contra agentes externos como chuva e umidade.


Para realizar a movimentação e armazenagem de carga geral no Tecon Imbituba, a Companhia obteve autorização da Antaq (Agência Nacional de Transportes Aquaviários). "A medida foi adotada para atender a alta demanda de cargas gerais na região Sul do País. Com o crescimento, o Porto de Imbituba se tornou uma opção para essas operações e fomos em busca de uma solução com a eficiência e a segurança que são marcas da Santos Brasil", diz Roberto Teller, diretor de Operações Portuárias.


O Porto de Imbituba alcançou um novo patamar operacional em 2022, conquistando o melhor resultado anual de sua história, com movimentação de 7,1 milhões de toneladas. Em relação ao recorde anterior, registrado em 2021, houve crescimento de 3,6% no volume movimentado.


Com localização estratégica e fácil acesso ferroviário, rodoviário e marítimo, a Santos Brasil opera em Imbituba o TCG, que dispõe de atendimento diferenciado e equipes treinadas para movimentar e armazenar cargas de alta complexidade e valor agregado, e o Tecon, que está preparado para receber os maiores navios do mundo, sem restrições físicas ou de navegação.


Fonte: Portos e Navios



Notícias Relacionadas
 Demanda por galpões deve se acomodar em 2023

26/01/2023

Demanda por galpões deve se acomodar em 2023

O setor de galpões logísticos e industriais do país teve um 2022 intenso em novas entregas. Segundo a consultoria JLL, o novo volume que chegou ao mercado no ano passado foi de 3,1 milhõ (...)

Leia mais
 ANTT sanciona reajuste de 8,35% a 13,19% no piso mínimo de frete rodoviário

24/01/2023

ANTT sanciona reajuste de 8,35% a 13,19% no piso mínimo de frete rodoviário

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) aprovou a alteração semestral do piso mínimo de frete rodoviário, proposto pelo Anexo II da Resolução 5.867/2020 instituído pela Polít (...)

Leia mais
 CNT divulga análise sobre o orçamento público para infraestrutura de transporte em 2023

24/01/2023

CNT divulga análise sobre o orçamento público para infraestrutura de transporte em 2023

Pela primeira vez em anos, a programação de investimentos públicos destinados ao transporte foi elevada consideravelmente. O orçamento da União para o setor em 2023 é de R$ 18,7 bilhões, (...)

Leia mais

© 2023 ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos. CNPJ 17.298.060/0001-35

Desenvolvido por: KBR TEC

|

Comunicação: Conteúdo Empresarial

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.