31/01/2022

Os desafios do armazenamento ideal das vacinas Pfizer e a estratégia Os desafios do armazenamento ideal das vacinas Pfizer e a estratégia

 Os desafios do armazenamento ideal das vacinas Pfizer e a estratégia Os desafios do armazenamento ideal das vacinas Pfizer e a estratégia


Como Operador Logístico, especializado no segmento da Saúde, a RV IMOLA buscou, frente aos avanços da Pandemia da Covid-19, estudar e compreender melhor de que forma um Operador Logístico poderia se preparar para os avanços e aumento no plano de imunização do Brasil.

Considerando que, dentro do Plano Nacional de Imunização, a aquisição de larga escala planejada para o segundo semestre de 2021 e o ano de 2022 foi da vacina da farmacêutica Pfizer.

Sabendo das dimensões territoriais e diferentes condições climáticas nos Estados do Brasil, bem como, de forma geral, a temperatura média alta preponderante quando se trata de graus Celsius, se torna mais importante ainda o correto armazenamento e transporte das vacinas.

No mercado Brasileiro, existem poucos fornecedores de equipamentos de geladeira, denominado Ultrafreezer, que conseguem atender ao armazenamento de até -80° C. E não somente no Brasil, mas, o mundo não tinha, até o presente momento, uma necessidade de larga escala de tais equipamentos. Sempre existiu uma demanda constante e linear de armazenamento de produtos em até -80° C.

Como estratégia comercial, de se antecipar e estudar o mercado ao qual atuamos, buscamos, com o apoio da equipe operacional e de qualidade, encontrar no mercado fornecedores de equipamentos ultrafreezer com temperatura de até -80°.

Sabemos que a Operação logística de imunobiológicos termolábeis não é e nunca foi uma operação simples. No caso da vacina Pfizer, especificamente, sabemos que para uma melhor duração da validade das doses/frascos, o correto e ideal armazenamento fica na faixa de temperatura entre -80° e -70° C e o correto e recomendado pela Pfizer é que não seja descongelada muitas vezes. Compreendendo isso e sabendo das dificuldades de aquisições e contratações, principalmente por entes públicos, optamos de forma estratégica, na RV Ímola, por adquirir uma grande quantidade de ultrafreezers disponíveis no mercado a pronta entrega. Uma aposta ousada, validada e alinhada em conjunto com o nosso Presidente, o Sr. Roberto Vilela, ao qual, com o espírito empreendedor e visionário que sempre possuiu, apoiou e não poupou recursos financeiros para este desafio.

E neste momento, podemos afirmar que, além de nossa capacidade e know-how como Operadores Logísticos da Saúde, somos aptos, imediata e prontamente, a atender o armazenamento de vacinas Pfizer em -80°C, que representam praticamente uma temperatura 20 vezes mais fria que os equipamentos utilizados habitualmente, permitindo e proporcionando aos gestores do segmento público e privados, contar com uma opção para suprir a demanda necessária e correto armazenamento.

Para melhor explanação, recomenda-se que o ideal da vacina Pfizer é que seja descongelada uma única vez para a aplicação no paciente.

Além da aquisição dos ultrafreezers, a equipe da Qualidade, da RV Ímola, através de implementação de procedimentos operacionais padrão e auditorias efetuam ainda em tempo real, o controle remoto da temperatura dos utrafreezers.

Não foram medidos esforços e recursos financeiros, de grande ordem na aquisição dos equipamentos, bem como na melhoria da infraestrutura elétrica, para suportar a grande carga de energia consumida em cada equipamento e investimentos para redundância e maior segurança na estabilidade da temperatura, como Geradores de energia dedicados.

Frente a novos desafios e cenários, a RV Ímola continua na busca incessante de ser pioneira no segmento de Operador Logístico da Saúde com a melhor qualidade possível.

Notícias Relacionadas
 Em um mês, Minfra intensifica ações para impulsionar transporte ferroviário pelo país

04/10/2022

Em um mês, Minfra intensifica ações para impulsionar transporte ferroviário pelo país

Pelo segundo ano consecutivo, o Ministério da Infraestrutura dedicou o mês de setembro a ações que incentivam a modernização do transporte sobre trilhos no país e a ampliação da malha fe (...)

Leia mais
 Rodovias e frota levam Brasil à perda de 30% de combustível

04/10/2022

Rodovias e frota levam Brasil à perda de 30% de combustível

A logística no Brasil precisa de intervenções urgentes nos próximos 15 anos para não entrar em colapso. Mesmo com um território continental, 62% de toda carga é transportada por rodovias (...)

Leia mais
 Grupo Coopercarga adquire o controle da TSV Transportes Rápidos

04/10/2022

Grupo Coopercarga adquire o controle da TSV Transportes Rápidos

Foi celebrado, na semana passada, o contrato de compromisso para aquisição pelo Grupo Coopercarga do controle da empresa TSV Transportes Rápidos, que atua com cargas fracionadas de alto (...)

Leia mais

© 2022 ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos. CNPJ 17.298.060/0001-35

Desenvolvido por: KBR TEC

|

Comunicação: Conteúdo Empresarial

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.