26/10/2020

Nordeste Export começa nesta segunda-feira no Porto de Suape

 Nordeste Export começa nesta segunda-feira no Porto de Suape


Evento que tem apoio da ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos reúne especialistas, dirigentes de entidades, empresários e autoridades para debater os principais gargalos logísticos da região. Diretor presidente e CEO da ABOL, Cesar Meireles, participa do evento

Com o início do Nordeste Export a partir desta segunda-feira, 26 de outubro, o Porto de Suape, localizado no litoral sul do Estado de Pernambuco, será o centro nacional das discussões sobre logística, infraestrutura e multimodalidade. Os maiores nomes ligados a esses setores se reúnem presencial e virtualmente para debater os principais gargalos logísticos da região que acabam por impactar em todo o País.

Todos podem assistir online e de graça a transmissão dos debates, que será feita pelo aplicativo Zoom. Para isso, basta fazer um rápido cadastro no site do evento. O Nordeste Export tem o apoio institucional do Ministério da Infraestrutura.

A extensa programação inclui visita técnica, palestras, painéis e apresentações dos maiores players do setor (momentos patrocinados). Entre os temas a serem debatidos estão inovação objetiva para a melhoria da competitividade dos setores logístico e portuário; os gargalos do transporte multimodal na região; exportação e nível de competitividade de produtos brasileiros no exterior; o potencial econômico e estratégico da região Nordeste; e ainda a necessidade de investimentos para o crescimento da região.

O evento ocorrerá de forma híbrida. Um grupo restrito de participantes estará no Porto de Suape, de onde serão organizados os painéis e geradas as imagens que serão transmitidas via Zoom. Alguns palestrantes e painelistas participarão presencialmente, e outros, de forma remota. O público poderá acompanhar tudo online.

A lista de convidados para o evento é extensa e inclui desde especialistas, passando por dirigentes de entidades do setor, empresários e autoridades de todas as esferas de governo, inclusive dirigentes dos Estados do Nordeste. Presidentes dos portos da região e de entidades como Abeph (Associação Brasileira das Entidades Portuárias e Hidroviárias), Ministério da Infraestrutura, Sebrae, BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e TCU (Tribunal de Contas da União) também foram convidados.

O diretor presidente e CEO da ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos, Cesar Meireles, participa do evento, apoiando a realização de mais esta iniciativa do Fórum Brasil Export. "Este evento é de extrema importância para o setor logístico em geral pois a região Nordeste é geograficamente estratégica para o escoamento das produções da indústria e do agronegócio brasileiro. A ABOL apoia a interação entre os stakeholders do setor logísticos, na discussão do ganho de eficiência nas opções de modais de transportes na região, de forma a que o país ganhe protagonismo no comércio exterior", disse Meireles.

Programação

A primeira atividade do Nordeste Export nesta segunda-feira (26) será a abertura da manhã tecnológica, às 9h.O presidente do Conselho Nacional do Brasil Export, José Roberto Campos; do Conselho do Nordeste Export, Aluísio Sobreira; e do Brasil Hack Export, Angelino Caputo; dão as boas-vindas aos todos os participantes e espectadores. Em seguida acontece o painel tecnológico, com a palestra de Jaime Alheiros, diretor de fomento e inovação da AD Diper (Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco). Ao final, será feito o anúncio da equipe vencedora do Nordeste Hack Export (leia mais sobre o Brasil Hack Export abaixo).

Em seguida um grupo restrito fará uma visita técnica a algumas dependências do Porto. À tarde terá início uma série de 13 apresentações curtas feitas pelos patrocinadores do Nordeste Export. É a oportunidade para que todos conheçam os principais players do setor. A lista inclui Agemar, APS, CNT, Codeba, Codern, Gallotti Advogados Associados, Merco Shipping, Piacentini do Brasil, Porto de Cabedelo, Porto de Suape, Porto do Itaqui, Praticagem do Brasil, Tecon Suape.

Solenidade de abertura

No início da noite acontece a solenidade de abertura com a presença (presencial e virtual) de organizadores do Fórum e autoridades. Entre eles, Fabrício Julião, CEO do Fórum Brasil Export; Leonardo Cerquinho, presidente do Porto de Suape; Mayhara Chaves, presidente da Abeph (Associação Brasileira das Entidades Portuárias e Hidroviárias); Carlos Melles, presidente do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas); e ministro José Múcio Monteiro, presidente do TCU (Tribunal de Contas da União).

A terça-feira (27), será reservada aos quatro painéis técnicos, que reunirão diversos dirigentes de entidades, de portos, executivos do setor e autoridades.

Expectativa

Para Julião, as questões a serem discutidas no Porto de Suape interessam não só a região, mas a todo o Brasil. “A localização de Suape é estratégica devido à proximidade com a Europa e Canal do Panamá. A região apresenta um potencial enorme para a cabotagem, e isso certamente provocará uma revolução na logística de todo o País. E o Nordeste tem muito a colaborar com isso. Nós nos sentimos muito felizes em poder intermediar esses debates que visam buscar soluções para o desenvolvimento da região e do Brasil”, afirma Fabrício Julião, CEO do Fórum Brasil Export e presidente da Una Marketing de Eventos, que realiza o encontro.

Ao comentar a realização do evento em Suape, o presidente do Conselho do Nordeste Export, Aluísio Sobreira, afirmou que um dos principais focos dos trabalhos do fórum regional será o de demonstrar todas as potencialidades dos Estados da região e debater soluções para os principais gargalos logísticos do Nordeste.

“Entendo que a reunião de lideranças e autoridades tão expressivas será uma oportunidade ímpar para promovermos o comércio exterior na região e assim semear um futuro melhor para o Nordeste e todos os nordestinos, que é o objetivo maior do Fórum”, afirma Sobreira, também diretor da Merco Shipping Marítima, da AEB (Associação de Comércio Exterior do Brasil) e vice-presidente da CBC (Câmara Brasileira de Contêineres e Transportes Multimodais).

Além de toda a infraestrutura adequada para a realização dos debates, a escolha do porto se justifica pela sua importância. Além de ser o maior porto da região Nordeste e interligado a 160 portos em todos os continentes, está a 800 km de 90% do PIB (Produto Interno Bruto) da região.

"É com grande satisfação que somos o porto anfitrião desse primeiro encontro do fórum no Nordeste, reunindo diversas autoridades portuárias e especialistas de logística. Estamos ansiosos para debater temas importantes para o setor e para o país, como o incremento da cabotagem e a descentralização da gestão portuária no Brasil", afirma o presidente do Porto de Suape, Leonardo Cerquinho.

Luiz Barros, diretor de Desenvolvimento de Negócios de Suape, ressalta a importância dos fóruns regionais. “Os encontros regionais são essenciais para identificar e tratar os desafios de cada região, mas que impactam no todo”, diz.

Fórum Brasil Export

O Nordeste Export é um dos fóruns regionais do Brasil Export, que terá um grande encontro nacional nos dias 23 e 24 de novembro próximos, em Brasília. O objetivo do Brasil Export é o de amplificar o debate das questões de infraestrutura e logística portuária para todas as regiões, respeitando suas diferenças locais e especificidade de modais.

Antes dos fóruns regionais, foram realizadas 100 lives entre abril e setembro de 2020, no período da pandemia do novo coronavírus. Paralelo a essa atuação, e mesmo antes das restrições impostas pelo Covid-19, o Brasil Export se tornou referência do setor devido à presença constante no ambiente virtual, disponibilizando conteúdos relevantes em seus canais de informação, seja no site, ou redes, tais como Facebook, Instagram ou Linkedin.

O Nordeste Export é o quarto fórum regional realizado neste ano. Os outros três foram o Norte Export, entre os dias 28 e 29 de setembro, no Macapá (AP); o Sul Export, realizado entre os dias 5 e 6 de outubro, em Curitiba, no Paraná; e o Sudeste Export, que ocorreu na cidade de São Paulo entre os dias 19 e 20 deste mês. A agenda inclui o Centro-Oeste Export, previsto para os dias 9 e 10 de novembro, em Cuiabá (MT).

Brasil Hack Export

Como um fórum amplo de debates sobre os vários aspectos da logística e infraestrutura, o Fórum Brasil Export também estimula a criação de novas tecnologias e inovações que venham a contribuir para encontrar soluções para carências do setor. Para isso, criou o Brasil Hack Export, uma maratona de hackathons que tem como princípio unir a cadeia logística aos criativos. Em cada fórum regional do Brasil Export é realizada uma seletiva do Brasil Hack Export. Cada uma delas tem um desafio diferente, no caso do Nordeste, por exemplo, é o de buscar soluções para cabotagem. O vencedor leva um prêmio em dinheiro e os três melhores são selecionados para a final, que acontece junto com o Fórum Nacional, em Brasília, e que concederá um prêmio de US$ 5 mil.

Inscrições

Os debates das etapas regionais do Fórum Brasil Export serão 100% online e gratuitos. Para participar, basta realizar a inscrição gratuita no endereço bit.ly/AssistaNordesteExport e que dá acesso a assistir a transmissão feita pelo aplicativo Zoom.

Fonte: Fórum Brasil Export

Notícias Relacionadas
 CNT realiza pesquisa para avaliar o impacto das enchentes no Rio Grande do Sul sobre as empresas

24/05/2024

CNT realiza pesquisa para avaliar o impacto das enchentes no Rio Grande do Sul sobre as empresas

Para que a CNT (Confederação Nacional do Transporte) desenvolva medidas de apoio mais eficazes aos transportadores impactados pelas enchentes no Rio Grande do Sul, a Confederação está re (...)

Leia mais
 Estudo sobre frotas sustentáveis aponta inovação e investimento sem precedentes em momento de transição energética ativa

24/05/2024

Estudo sobre frotas sustentáveis aponta inovação e investimento sem precedentes em momento de transição energética ativa

Agora em sua quinta edição, o relatório State of Sustainable Fleets 2024, divulgado nesta segunda-feira (20), lança luz sobre um setor que está passando por um momento de transição ativa (...)

Leia mais
 JSL investe em simulador de direção para mais segurança dos motoristas

23/05/2024

JSL investe em simulador de direção para mais segurança dos motoristas

Com foco na segurança e treinamento de sua equipe de motoristas, a JSL, empresa com o maior portfólio de serviços logísticos do país, investiu R$ 2 milhões na aquisição de um simulador d (...)

Leia mais

© 2024 ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos. CNPJ 17.298.060/0001-35

Desenvolvido por: KBR TEC

|

Comunicação: Conteúdo Empresarial

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.