11/03/2024

Demanda por carga aérea aumenta 18,4% em janeiro

 Demanda por carga aérea aumenta 18,4% em janeiro



A Associação do Transporte Aéreo Internacional (IATA) divulgou os resultados dos mercados globais de transporte aéreo de carga de janeiro de 2024, indicando um início de ano vigoroso. A demanda total, medida em toneladas de carga por quilômetro (CTKs*), registrou um aumento de 18,4% em relação a janeiro de 2023 (com um aumento de 19,8% nas operações internacionais). Esse crescimento substancial marca o maior aumento anual em toneladas de carga por quilômetro (CTKs) desde o verão de 2021.


A capacidade, medida em toneladas de carga disponível por quilômetro (ACTKs), aumentou 14,6% em comparação com janeiro de 2023 (com um aumento de 18,2% nas operações internacionais). Este aumento deve-se em grande parte ao crescimento de 25,8% na capacidade de transporte de carga em aeronaves de passageiros em relação ao ano anterior, impulsionado pelo fortalecimento dos mercados de passageiros.


"A demanda por carga aérea aumentou 18,4% em janeiro em relação ao mesmo período do ano passado. Este é um forte início de ano. Em particular, o setor de comércio eletrônico em expansão continua ajudando a demanda por carga aérea a manter a tendência acima do crescimento, tanto do comércio quanto da produção, desde o último trimestre de 2023. O contrapeso desta boa notícia é a incerteza sobre a desaceleração econômica da China. Esse tema estará na agenda de discussões dos executivos de carga aérea que se reunirão em Hong Kong na próxima semana para o Simpósio Mundial de Carga Aérea da IATA, com foco em digitalização, eficiência e sustentabilidade", comentou Willie Walsh, diretor geral da IATA.


Desempenho por Região em Janeiro de 2024


As companhias aéreas da região Ásia-Pacífico relataram um aumento de 24,6% nos volumes de carga aérea em janeiro de 2024 em comparação com o mesmo período de 2023. As transportadoras da região se beneficiaram do crescimento contínuo de CTKs internacionais em três principais rotas comerciais.


As transportadoras da América do Norte tiveram o pior desempenho entre todas as regiões em janeiro de 2024, com um aumento de 9,3% nos volumes de carga em comparação com o mesmo período do ano anterior. As transportadoras da Europa apresentaram um aumento de 16,4% em seus volumes de carga aérea em janeiro em relação ao mesmo mês de 2023.


Já as transportadoras do Oriente Médio apresentaram o melhor desempenho em janeiro de 2024, com um aumento anual de 25,9% nos volumes de carga. Além disso, as transportadoras da América Latina, África e América do Norte também registraram aumentos em seus volumes de carga em janeiro de 2024.


Fonte: Tecnologística



Notícias Relacionadas
 CNT realiza pesquisa para avaliar o impacto das enchentes no Rio Grande do Sul sobre as empresas

24/05/2024

CNT realiza pesquisa para avaliar o impacto das enchentes no Rio Grande do Sul sobre as empresas

Para que a CNT (Confederação Nacional do Transporte) desenvolva medidas de apoio mais eficazes aos transportadores impactados pelas enchentes no Rio Grande do Sul, a Confederação está re (...)

Leia mais
 Estudo sobre frotas sustentáveis aponta inovação e investimento sem precedentes em momento de transição energética ativa

24/05/2024

Estudo sobre frotas sustentáveis aponta inovação e investimento sem precedentes em momento de transição energética ativa

Agora em sua quinta edição, o relatório State of Sustainable Fleets 2024, divulgado nesta segunda-feira (20), lança luz sobre um setor que está passando por um momento de transição ativa (...)

Leia mais
 JSL investe em simulador de direção para mais segurança dos motoristas

23/05/2024

JSL investe em simulador de direção para mais segurança dos motoristas

Com foco na segurança e treinamento de sua equipe de motoristas, a JSL, empresa com o maior portfólio de serviços logísticos do país, investiu R$ 2 milhões na aquisição de um simulador d (...)

Leia mais

© 2024 ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos. CNPJ 17.298.060/0001-35

Desenvolvido por: KBR TEC

|

Comunicação: Conteúdo Empresarial

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.