Selo ABOL

« voltar para publicaçõesNota Técnica nr. 8 da ANVISA sobre o Coronavírus (2019-nCoV)

ATENÇÃO!!!


Prezados(as) Senhores(as)


Em momentos de tensão mundial por identificação, existência e propagação de doenças graves, é necessário que TODOS tenham cuidado redobrado, mas tenham também, responsabilidade no trato das informações e, principalmente na divulgação dessas informações.


Devemos, portanto, dar atenção à informações, notificações e instruções vindas de fontes confiáveis, fidedignas e oficiais. Propagação de informações falsas (fake-news), tornam-se um desserviço à comunidade, ao país, e ao resto do mundo.


Desta forma, a ABOL - Associação Brasileira de Operadores Logísticos, cônscia da sua responsabilidade institucional tem o zelo de compartilhar apenas notícias de fontes oficiais e verdadeiramente necessárias aos seus associados. Assim sendo, divulga a seguir, a  Nota Técnica nº 8/2020/SEI/GIMTV/GGPAF/DIRE5/ANVISA que dispõe sobre as medidas sanitárias a serem adotadas em pontos de entrada, frente aos casos do Novo Coronavírus (2019-nCoV), cujas instruções tornam-se de utilidade pública.


Reproduzimos, portanto, o caput da NT da Anvisa, anexando-a na íntegra ao término deste comunicado.


Abreaspas

Em 31 de dezembro de 2019, a Organização Mundial de Saúde (OMS) foi informada de um conjunto de casos de pneumonia de causa desconhecida detectados na cidade de Wuhan, província de Hubei, na China. Em 7 de janeiro, um novo coronavírus (2019-nCoV) foi idenficado como o vírus causador pelas autoridades chinesas. A partir daí, a OMS e seus Estados Partes, incluindo o Brasil, vem monitorando o surgimento de casos, comportamento da doenças e as orientações quanto as medidas para minimização quanto a propagação da doença no mundo.


Em 31 de janeiro de 2020, seguindo recomendação do Comitê de Emergência, a OMS declarou Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII) o 2019-nCov. No momento, a OMS não recomenda medidas de restrição a viajante ou ao comércio.


O Ministério da Saúde informa que está realizando, por meio da Secretaria de Vigilância em Saúde, o monitoramento diário da situação junto à OMS e também dos dados fornecidos pelo Governo da República Popular da China desde o início das notificações.


A partir de 31 de janeiro de 2020,o Ministério disponibilizará a atualização da situação dos casos suspeitos e possíveis confirmados na plataforma.saude.gov.br/novocoronavirus.


Desde de 22 de janeiro de 2020, está em funcionamento o Centro de Operações de Emergência - Coronavírus, coordenado pelo Ministério da Saúde com reuniões diárias. Tem acento no Centro diversas áreas do Ministério da Saúde, Anvisa e demais órgãos de interesse.


Além disso a Anvisa institui, por meio da Portaria nº 74, de 27 de janeiro de 2020, um Grupo de Emergência em Saúde Pública para condução das ações da Agência no que diz respeito ao Novo Coronavírus. A Anvisa também é membro do Grupo Executivo Interministerial de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional e Internacional - GEI-ESPII, estabelecida por Decreto nº 10.211, de 30 de janeiro de 2020.

Fechaspas


Sigamos atentos às divulgações, comunicados da OMS, do Ministério da Saúde, da Anvisa, e dos órgãos de saúde oficiais de reputação e fidedignidade.


São Paulo, 01 de fevereiro de 2020


Saudações,


Carlos Cesar Meireles Vieira Filho

Diretor Presidente - ABOL

Link Anvisa com Audiovisual sobre o Coronavirus: http://portal.anvisa.gov.br/coronavirus/audiovisual


SEI_ANVISA - 0895609 - Nota Técnica.pdf

(Para upload de curriculum,
acesse o site via desktop)