Selo ABOL

« voltar para publicações

Uma semana após o II ABOL Convida que discutiu a Reforma Tributária, Senado divulga parecer do senador Roberto Rocha

Foto Montagem - II ABOL CONVIDA 2019.jpg

Prezados(as) Senhores(as),


Finda a Reforma da Previdência, estamos diante da “Mãe de Todas as Reformas”, a REFORMA TRIBUTÁRIA.

Para discutirmos o assunto, com a ênfase e a relevância que o tema impõe, trouxemos como palestrante para o II ABOL CONVIDA 2019, no último dia 25/11, no Restaurante Cantaloup, o ínclito professor Luiz Carlos Hauly, uma das cabeças mais atualizadas e privilegiadas sobre o assunto, o qual tem versado com lucidez que (sic) “vivemos em um ‘manicômio tributário’, anárquico e caótico, sem chances de permitir que o país prospere!"


Sobre o II ABOL CONVIDA 2019

Com quórum recorde e presença qualificadíssima, recebemos cerca de 100 convidados para ouvirmos e debatermos o tema, essencial para o desenvolvimento do país.

Para abrilhantar ainda mais o evento, contamos com a importante parceria da AMARAL VEIGA ADVOGADOS, cujos sócios João Amaral e Daniel Veiga, além de sua equipe e corpo jurídico estiveram presentes conosco, tendo, como moderador dos debates, outro sócio da casa, o Allan Fallet, responsável por matéria tributária da AMARAL VEIGA ADVOGADOS.

Além da AMARAL VEIGA ADVOGADOS, também contamos com o apoio da GWA TURISMO, aproveitando para agradecer aos sócios Gustavo Almeida e Pedro Lacerda.

Com o aprofundamento que lhe é peculiar, o professor Luiz Carlos Hauly, fez observar que a reforma proposta, poria fim à guerra fiscal, com a redução de renúncias estimadas em mais de R$500 bilhões, diminuição de sonegação fiscal superior a R$460 bilhões, zeramento da divida ativa em R$3 trilhões, diminuição do contencioso administrativo e judicial, igualmente em R$3 trilhões, além da redução abrupta da desburocratização com a diminuição radical das obrigações acessórias, em torno de R$65 bilhões.

Tudo isso somado, atingiríamos savings superiores a um PIB brasileiro.

Dentre os ensaios da PEC da Reforma Tributária, está a criação do Imposto sobre Bens e Serviços (IBS), uma espécie de Imposto de Valor Agregado (IVA).

Confira pelo linkhttps://lnkd.in/dBSXkQ5


Sobre o Palestrante

Luiz Carlos Hauly, palestrante emérito daquela noite, é graduado em Economia pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) foi, por 28 anos, Deputado Federal, tendo estado sempre entre os mais respeitados parlamentares do Congresso Nacional, na avaliação do DIAP, atuando, preponderantemente, nas áreas de economia, orçamento, finanças e tributação.

Foi autor, relator e apoiador de inúmeros projetos fundamentais para o País, como o Plano Real, a Lei de Transparência das Contas Públicas, a Lei Kandir, dentre tantas outras.

Além da sua brilhante trajetória parlamentar, o economista Luiz Carlos Hauly foi secretário da Fazenda do Paraná em dois períodos do Governo Álvaro Dias, além de ter sido prefeito e vereador de Cambé/PR.


Divulgado o parecer da Reforma Tributária no Senado

Uma semana após o II ABOL CONVIDA 2019, encontra-se divulgado o parecer do relator, senador Roberto Rocha (PSDB-MA), à Proposta de Emenda Constitucional nº 110, de 2019, que trata sobre a Reforma Tributária, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal.

A matéria aguarda inclusão em pauta da CCJ para apreciação do relatório.

Para análise do texto, publicamos na íntegra a PEC 110/2019: Clique aqui

Como o assunto nos é caríssimo e de extrema relevância, certamente abriremos novos campos de debate.

São Paulo, 03 de dezembro de 2019

Saudações,

Carlos Cesar Meireles Vieira Filho

Diretor Presidente - ABOL


Anexo a íntegra da Emenda PEC no. 110/2019: DOC-Relatório Legislativo - SF191753186376-20191202.pdf

(Para upload de curriculum,
acesse o site via desktop)